Home / Geral / VEREADOR AMALEC DENUNCIA QUE EMPRESA “ENERGISA” NÃO CUMPRE LEI E CAUSA PÂNICO EM ARIQUEMES

VEREADOR AMALEC DENUNCIA QUE EMPRESA “ENERGISA” NÃO CUMPRE LEI E CAUSA PÂNICO EM ARIQUEMES

O vereador Amalec  da Costa em entrevista a este noticioso eletrônico disse que simplesmente inconcebível o que está Empresa “ENERGISA”, que é responsável pela distribuição de energia no Estado de Rondônia e por conseguinte no município de Ariquemes, está fazendo com os nossos consumidores, “um verdadeiro terrorismo”, além de não está fornecendo uma energia de qualidade, pois as oscilações são uma constante, cobrar uma tarifa extremamente cara, agora não cumpre a Lei Nº 1783, que existe há mais de uma década, aprovada pela Assembleia Legislativa, Lei de autoria do ex – deputado estadual Euclides Maciel, que diz  que a concessionaria não pode suspender (cortar) o fornecimento de energia ao consumidor no dia que antecede o final de semana ou feriado, a Lei diz isso, afirmou o vereador, mas esta Empresa a ENERGISA ignora, não dá a menor atenção  e não obedece a legislação em vigor, além disso também não dá a menor bola as normas estabelecidas pela ANEEL que diz que, “a suspensão do fornecimento somente por falta de pagamento deverá ser realizada, segundo a ANEEL, somente em dias úteis da semana, de 08h às 18h – Art. 172, § 5º -e durante o horário comercial”, destaca o vereador.
Quero aqui conclamar  os nossos Deputados Estaduais Alex Redano, Adelino Follador e Geraldo da Rondônia, a exemplo do que aconteceu com os leitos de UTIs quando denunciamos que iriam ser fechados por falta de pagamento e o Deputados interviram e resolveram o impasse, para que se juntem a este vereador e a população da Ariquemes e tomem as medidas necessárias para parar esta empresa ENERGISA, mostrar para eles  que aqui em Rondônia a Lei tem que ser cumprida e assim dá a tranquilidade que a nossa população tanto merece, dá um basta nestes desmandos que estão sendo cometidos por esta Empresa contra os cidadãos ariquemenses, finalizou o vereador Amalec da Costa.

Fonte:focoemnoticia

Facebook Comments

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos marcados são obrigatórios *

*