Home / Nacional / Mundo subestima perigo de guerra nuclear, diz Putin

Mundo subestima perigo de guerra nuclear, diz Putin

Opresidente russo, Vladimir Putin, realizou nesta quinta-feira (20) a entrevista coletiva anual da presidência, que contou com a presença de mais de 1,7 mil profissionais credenciados e durou quase quatro horas.

“O mundo está subestimando o perigo de uma guerra nuclear”, disse o mandatário, destacando que o “esfacelamento” do sistema de dissuasão internacional, exacerbado pela decisão dos Estados unidos de sair do Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédiário (TINF) “aumenta a incerteza”. O acordo, assinado no fim dos anos 1980 e abandonado por Donald Trump no último mês de outubro, previa a eliminação de mísseis balísticos com alcance entre 500 e 5,5 mil quilômetros.

O mandatário russo ainda alertou para o perigo da introdução de armas atômicas para uso tático, o que poderia levar a uma “catástrofe global”. “Existem mísseis balísticos que não estão equipados com ogivas nucleares. Não podemos saber qual está com uma ogiva e qual não e isso tem um impacto nos nossos sistemas de defesa, programados para responder a um ataque fatal”, disse.

Putin também falou sobre as relações com o Japão, especialmente sobre o escudo balístico construído pelos Estados Unidos no país . “Para nós, esses sistemas não são apenas defensivos, porque estão sincronizados com o aparato ofensivo e sabemos bem disso”, afirmou.

“As armas da Rússia existem para manter a paridade estratégica e, se os mísseis chegarem à Europa e depois ao Ocidente, não poderão reclamar se reagirmos, mas confio que a humanidade terá bom senso para evitar o pior”, declarou.

Putin também ressaltou a necessidade de um “salto tecnológico” para o país “entrar neste século”, que consiste em a Rússia entrar no grupo de “melhores países do mundo” e se adequar às inovações tecnológicas mundiais. “Se isso não acontecer, não teremos futuro. É por isso que o governo está trabalhando em grandes projetos nacionais de desenvolvimento”, afirmou. “Nos primeiros dez meses de 2018, o PIB russo registrou crescimento de 1,7%”, afirmou o presidente. (ANSA)

Facebook Comments

Comentar

Seu endereço de email não será publicado.Campos marcados são obrigatórios *

*