Governo de Rondônia reforça pedido para que população se vacine com as duas doses contra a covid-19


Drive-thru para vacinação promovido pelo Governo de Rondônia para os professores no Palácio Rio Madeira/20.06.21

Dados do Painel-Covid apontam que mais de 189 mil pessoas já completaram todo o esquema vacinal em Rondônia, ou seja 14,4% da população. A força-tarefa do Governo do Estado, em parceria com o Ministério da Saúde, para reforçar as estratégias a fim de acelerar o cronograma de vacinação tem sido uma luta incansável. Nesse sentido, o Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), reforça a importância de um esquema vacinal completo, ou seja, as duas doses, com exceção da Janssen que é dose única.

Temor aos efeitos colaterais e descrença na eficácia da vacina contra o covid-19 são alguns dos argumentos utilizados para o desatino da população em geral, para a falta e/ou recusa à administração da segunda dose que sela o esquema de imunização vacinal. Preocupado com as recorrentes negligencias por parte da alguns, o diretor da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima, alerta, “Atualmente, a vacinação é a única ferramenta apropriada para fazer com que o sistema imunológico combata a covid-19″

Por orientação do governador Marcos Rocha, antes mesmo da chegada das primeiras doses ao estado, as equipes técnicas da Agevisa já articulavam a logística para distribuir as vacinas a todas as regionais, com o máximo de agilidade, como acontece após cada chegada de vacina. No total, Rondônia já recebeu 958, 898 medidas imunizadoras, divididas entre 1º, 2ª e doses únicas, são elas CoronaVac (366.708), AstraZeneca (444.200), Pfizer (113.490), Janssen (34.500).

Gregório reforça ainda que todas as opções de vacinas disponíveis são autorizadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e, na corrida contra o vírus, a população não deve se preocupar em escolher qual vacina tomar. Ele explica que todas as vacinas são produzidas com tecnologia para produção de anticorpos. “Todas as vacinas possuem desempenho, no final das contas, acima de 90% de proteção contra covid-19, chancelado pela ciência, pela Anvisa e registrada no nosso Plano Estadual de Vacinação. Então, não podemos dizer qual é a melhor ou pior, cada uma tem seu desempenho e sua vantagem”.

Não completar o esquema vacinal é também outro fator importante para a ressaltar quanto a conscientização da população. “Quando você toma corretamente as doses de vacina contra a covid-19, você completa o ciclo de proteção contra essa doença, tomar apenas uma dose é como se você deixasse a porta da sua casa entreaberta ou porta fechada e janela aberta. Então, para proteger a sua casa precisa deixar porta e janelas bem fechadas, sendo assim cumpra a data de vacinação, siga corretamente o protocolo que assim todos estarão bem protegidos”, pediu o diretor.

Vale ressaltar que as medidas de prevenção como o uso de máscaras, higienização das mãos e o distanciamento social, ajuda no controle da doença, por isso a população não pode deixar de se vacinar e nem de seguir corretamente todos os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde e Governo do Estado. “Vale frisar novamente que todas as vacinas são seguras e eficazes. Independente da tecnologia utilizada, os imunizantes que o Estado de Rondônia recebe, quase que diariamente, foram testados, tiveram sua eficácia comprovada por meio de estudos, avaliados e reavaliados por cientistas e são aplicados em larga escala no mundo todo.

Via Secom

Postar um comentário

0 Comentários