Governo festeja volta de Júnior Gonçalves à Casa Civil já nesta quinta-feira

Desembargador Roosevelt Queiroz, relator do processo, teria revogado o afastamento do secretário pelo período de seis meses
Só faltou o foguetório! A superintendência de Comunicação do Governo de Rondônia divulgou nota curta na tarde desta quarta-feira anunciando a revogação pela Justiça de Rondônia do afastamento por 180 dias de Júnior Gonçalves do cargo de secretário-chefe da Casa Civil.
Até às 17h30, no entanto, o site do Tribunal de Justiça de Rondônia não havia ainda publicado qualquer informação sobre esta decisão e o expressaorondonia não conseguiu confirmar a informação com a Assessoria de Comunicação do TJ.
Na nota distribuída pela Secom apenas para alguns sites, a informação está confusa.
A nota diz que “a decisão foi homologada no início da tarde desta quarta-feira, sem explicar, contudo, se o novo relator designado para o caso, desembargador Roosevelt Queiroz - após o desembargador prevento, Gilberto Barbosa, se julgar impedido- prolatou uma decisão monocrática ou se levou o caso a apreciação do plenário da Corte.
No site do Governo, até às 17h40 nada se informava a respeito deste retorno dando a entender que a volta do secretário afastado se dá de maneira sorrateira, antes do julgamento do mérito da questão.
Veja a íntegra da nota que teria sido divulgada pela Secom:
O Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia (TJ-RO) reconduziu ao cargo o secretário chefe da Casa Civil do Governo do Estado de Rondônia, Junior Gonçalves. A decisão foi homologada no início da tarde desta quarta-feira (9) e o secretário deve retornar às funções a partir desta quinta-feira (10). Junior Gonçalves estava fora do cargo desde o dia 14 de maio.

Expressão Rondônia 

Postar um comentário

0 Comentários