Governo apresenta proposta de aumento de 25,24% para PMs; veja batalhões que aceitaram



Em reunião encerrada na noite de segunda-feira (28), o Governo de Rondônia apresentou a proposta final de reajuste escalonado para policiais militares e bombeiros. O encontro aconteceu no CPA, com representantes do Ministério Público, associações, esposas e familiares de militares.


Pela proposta, o aumento seria de do 8% janeiro – já definido em lei, acrescentando-se em fevereiro mais 11,5 % e 4% no mês de março do próximo ano, chegando ao total de 25,24%. O impacto anual a partir de 2021 seria de R$ 200 milhões.

Após a reunião, um grupo de militares, esposas e familiares se reuniu em frente ao 1º Batalhão em Porto Velho, representando os batalhões da Capital decidiu aceitar as propostas. Representantes do interior anunciaram que não concordam, mas cada cidade iria deliberar pela continuidade do movimento ou não.

Pelo acordo, o Governo se compromete encaminhar até o final de semana o projeto de Lei para apreciação dos deputados estaduais. 

Há possibilidade de fechamento de quarteis no interior, onde as propostas não foram aceitas.

No decorrer da noite, várias assembleias foram realizadas e os resultados foram estes:

Municípios que aceitaram a proposta:

Porto Velho
Ariquemes
Rolim de Moura
Alta Floresta

Municípios que não aceitaram a proposta:

Cujubim
Vilhena
Pimenta Bueno
Alvorada
Nova Mamoré
Cacoal
Ji-Paraná
Jaru
Guajará-Mirim
Presidente Médici
Espigão do Oeste



rondoniagora

Postar um comentário

0 Comentários