Morre em Porto Velho a jornalista Cléo Subtil


Morreu na madrugada desta quarta-feira (5), aos 47 anos, a jornalista Cléo Subtil. Ela foi vítima da Covid-19 e estava internada no Hospital Cemetron, em Porto Velho, desde o dia 20 de abril.

Internada há 14 dias na UTI, tratando das complicações da doença, Cléo teve problemas nos pulmões e rins.

Na noite de terça-feira (4), ela chegou a ser transferida para o Hospital de Base, para passar por uma cirurgia no tórax, mas, antes de realizar o procedimento cirúrgico, ela não resistiu e veio e faleceu.

A jornalista era assessora da Superintendência de Comunicação da Prefeitura de Porto Velho, e exerceu cargos de repórter e de editora-chefe na Rede Amazônica Rondônia por mais de 20 anos. Ela também passou por outros veículos de comunicação e foi professora de jornalismo da Uniron.No dia 18 de abril, Cléo perdeu o marido para a Covid-19. O casal deixa três filhos de 17, 19 e 23 anos.

Postar um comentário

0 Comentários