PF anuncia prisão de 06 membros de facção que tentaram matar policiais



O crime ocorreu defronte a um condomínio de luxo na Estrada da Penal e, segundo os delegados, foi a mando de facção criminosa estruturada no estado de São Paulo…

Na manhã de quinta-feira, 22, delegados da Polícia Federal, Leonardo Marino Gomes, Agostinho Cascado e o diretor Leonardo Rosa, reuniram a imprensa para fazer um balanço da Operação Onix, desencadeada pela corporação a fim de desarticular uma organização criminosa responsável pelo atentado contra a vida de policiais penais federais em Porto Velho, ocorrida em 05 de junho de 2.020. 

De acordo com os delegados, no dia do crime três suspeitos foram presos em flagrante, (dois homens e uma mulher), e daí por diante, foi iniciada uma investigação que culminou na prisão de mais seis pessoas preventivamente, todas já encaminhadas para o Presídio Federal de Segurança Máxima na capital.
Local do delito

O crime o correu defronte a um condomínio de luxo na Estrada da Penal e, segundo os delegados, foi a mando de facção criminosa estruturada no estado de São Paulo. Os líderes estão reclusos em presídios federais. A motivação do crime, segundo eles, foi um atentado contra a rigidez do sistema.

Ainda conforme os delegados, a vítima fingia ser policial penal e publicava nas redes sociais façanhas e bravatas sobre a profissão.

Fonte: rondonotícias

Postar um comentário

0 Comentários