Nova operação mira supermercados, hipermercados e bares em Porto Velho



Uma nova operação, a “Prevenção”, foi desencadeada pelo Governo de Rondônia para dar cumprimento ao último decreto sobre atividades comerciais e de distanciamento social em meio a pandemia. A ação agora mira estabelecimentos de gêneros alimentícios (supermercados e hipermercados), além de bares e comércio em geral, que podem funcionar diariamente, mas até até às 23 horas, com capacidade máxima de 30%.

Durante a fiscalização, coordenada pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBM), foram recebidas várias denúncias. Em uma delas, com a chegada das equipes a uma praça do Conjunto Rio Candeias na zona Sul, a presença ostensiva dispersou uma reunião com cerca de 20 jovens, a maioria sem máscara.


Na mesma região, só que no bairro Nova Floresta, em um cruzamento três estabelecimentos foram flagrados abertos após às 23 horas, descumprindo o que estabelece o decreto governamental. Com a chegada da fiscalização mais uma vez a concentração se dispersou e os proprietários dos estabelecimentos foram orientados a fechar as portas.


No bairro Mato Grosso, uma distribuidora de bebidas também foi notificada por vender bebida alcoólica no local, fora do horário permitido. O mesmo ocorreu em outros dois bares. Um na avenida Lauro Sodré e outro na avenida Imigrantes que estavam lotados e com pessoas sem máscara. “Essa dispersão, no momento em que as equipes chegam nesses locais lotados demonstram o efeito positivo que essa operação vem fazendo em Rondônia. Mostra que o caráter ostensivo ajuda a conscientizar a população”, ressaltou o comandante do Corpo de Bombeiros militar, Gilvander Gregório de Lima .
A concentração de pessoas nos estabelecimentos comerciais fora do horário estipulado em decreto é considerada crime contra a Saúde Pública e pode gerar penalidades.

Postar um comentário

0 Comentários