Prefeito de Porto Velho Hildon Chaves prepara recuperação da economia para fase pós-pandemia


  
A capital tem oferta ampla na área educacional e de saúde. Preocupado com a retomada do crescimento econômico de Porto Velho, o prefeito Hildon Chaves aponta que a melhoria no ambiente de negócios, com apoio ao empreendedorismo e simplificação de alguns procedimentos, será importante para que o município retome com rapidez e vigor o desenvolvimento no período que virá, após a pandemia da Covid-19.


De acordo com a Agência de Desenvolvimento de Porto Velho, segmentos como turismo de pesca, agricultura e pecuária são alguns dos mais promissores.

“O turismo de pesca é um exemplo do que pode ser mais explorado. Este segmento já foi trabalhado na gestão anterior do prefeito Hildon Chaves. Está paralisado, neste momento, por causa da pandemia”, explica Marcelo Thomé. A perspectiva, entretanto, é que quando as atividades cotidianas forem retomadas haverá espaço para avançar ainda mais.Outro segmento importante para a economia do município é a agricultura, que tem crescido independente da pandemia. Segundo Marcelo Thomé, o entorno de Porto Velho produz cada vez mais soja e outros grãos. “E ainda temos o maior rebanho bovino do estado”, acrescenta.

OFERTA

Para o presidente da Agência de Desenvolvimento, o setor de serviços também é importante nesta observação. A capital tem oferta ampla na área educacional e de saúde.

Uma iniciativa que pode contribuir para fortalecer as ações da Prefeitura de Porto Velho voltadas para a retomada da economia no período pós-pandemia no município é o programa Cidade Empreendedora, iniciativa do Sebrae Rondônia, que foi apresentada recentemente pelo diretor superintendente do Sebrae Rondônia, Daniel Pereira, junto com a equipe técnica do Sebrae, a Marcelo Thomé e à secretária Rosineide Kempim, da Secretaria Municipal de Resolução Estratégica de Convênios e Contratos (Semesc).

“A iniciativa reúne ações que o Sebrae tem nos seus portfólios e são voltadas para o apoio à gestão pública no desenvolvimento do empreendedorismo nos municípios com visão de expansão”, explica Thomé, que vê ações convergentes com as da Prefeitura de Porto Velho em procedimentos previstos no programa.

“A Prefeitura já atua, por exemplo, para ouvir os setores econômicos da cidade para entender o que podemos fazer para preparar a cidade para o momento de pós-pandemia e permitir que a retomada econômica seja mais rápida. Isto estamos fazendo”, aponta ele.
EMPREENDEDORISMO

O programa Cidade Empreendedora também tem foco no comportamento do servidor público ante o empreendedorismo. Há eixos que atuam para ampliar a base de arrecadação e tirar da informalidade pessoas que têm potencial para crescer. “Estas ações tem o objetivo de melhorar o ambiente de negócios, ajudar a cidade a se preparar para apoiar a iniciativa privada e o desenvolvimento dos negócios”, diz Marcelo Thomé.

Fonte: Nonato Cruz / SMC

Postar um comentário

0 Comentários